ACONTECIMENTOS

DICAS

Posso ir a uma consulta ou exame em tempo de COVID?

A pandemia teve claramente um efeito dramático em todo o mundo, particularmente no sistema de saúde, seja nos médicos, enfermeiros e prestadores de serviços, utentes, cuidadores e todos os restantes profissionais envolvidos. Um dos efeitos mais percetíveis foi a redução significativa do número de pessoas que procuram assistência médica para doenças não-COVID ou acompanhamento para as suas doenças crónicas.

É compreensível, neste período que atravessamos, que seja um enorme desafio para as pessoas saber como lidar com os seus cuidados de saúde ou consultas médicas de forma segura, mesmo que se trate de exames de rotina, como um eletrocardiograma ou uma mamografia.

É seguro ir a uma consulta médica presencial ou fazer um exame de rotina? Uma teleconsulta é suficiente? E se for uma urgência, como atuar? Quanto tempo é que podemos esperar para consultar o médico sobre aquela dor que não passa? Vamos responder aqui a todas estas questões, que nos são colocadas diariamente por tantos utentes preocupados com a sua saúde.

Sim, ir ao médico é seguro!

“Podemos aqui reafirmar que sim – é seguro hoje em dia realizar uma consulta médica ou exames de rotina no Hospital de Santa Maria – Porto e os doentes não devem ter receio de o fazer”, salienta o Dr. Rui Pinto, diretor clínico do Hospital de Santa Maria – Porto.

É extremamente importante que as pessoas falem com seu médico antes de tomar decisões sobre o adiamento de cuidados de saúde ou consultas. Desde o início da pandemia e cada vez mais, médicos e instituições de saúde adotaram medidas rigorosas para garantir que os seus consultórios e instalações são seguros e evitar a propagação do novo coronavírus. Há certos exames que não podem esperar, na medida em que o diagnóstico atempado pode fazer a diferença no processo de cura. Vacinas, análises ao sangue, mamografias, eletrocardiogramas, ecocardiogramas, colonoscopias, biópsias, são exemplos de exames que devem ser realizados quando prescritos e não devem ser adiados.

A teleconsulta é suficiente?

No Hospital de Santa Maria – Porto tem disponível a teleconsulta, um serviço que permite ter uma opinião médica sem sair de casa, através de um computador, tablet ou smartphone. A teleconsulta é especialmente indicada para as pessoas que integram grupos de risco, para acompanhamento de rotina ou mesmo para uma segunda opinião médica.

E em caso de urgência o que fazer?

O que se aconselha aos pacientes é que, caso sintam algum desconforto ou sintoma fora do comum, contactem o seu médico, ou, nos casos mais graves, a Linha SNS24 (808 24 24 24). Desta forma, receberão indicações sobre se devem, ou não, dirigir-se a uma consulta ou a um serviço de urgência.

Relembre-se que algumas condições clínicas necessitam de cuidados imediatos e urgentes – é o caso dos enfartes de miocárdio ou dos acidentes vasculares cerebrais, cuja cura e tratamento dependem de assistência médica no mais curto espaço de tempo.

Medidas excecionais de segurança implementadas neste Hospital

O Hospital de Santa Maria – Porto, em particular, implementou medidas de segurança muito apertadas e rigorosas com vista a evitar a propagação do vírus e garantir a segurança dos seus utentes e dos seus profissionais.

À entrada, todas as pessoas que se dirigem ao Hospital passam por um processo de triagem que envolve um questionário clínico para avaliar o seu grau de risco e a medição da temperatura corporal à chegada. O uso obrigatório de máscara, o distanciamento social, a solução alcoólica para desinfeção das mãos, a higienização e desinfeção de todos os espaços, a sinalética de apoio e limitação de permanência nas salas de espera são outras medidas implementadas no Hospital de Santa Maria – Porto.

As entradas no Hospital são limitadas a utentes com exames, consultas, tratamentos ou cirurgias agendadas e todos os pacientes que se submetem a cirurgias no Hospital de Santa Maria – Porto fazem previamente o teste PCR à COVID-19. Não são permitidas as visitas aos doentes internados, bem como acompanhantes de doentes no acesso aos serviços para exames, procedimentos e consultas externas. Consideram-se exceções os doentes pediátricos e todos aqueles que não têm capacidade de expressão.

Dispomos consultas em mais de 30 especialidades, exames e cirurgias

Apesar das limitações devidas à situação atual de pandemia, o Hospital de Santa Maria – Porto continua a sua atividade diária, oferecendo consultas em mais de 30 especialidades, disponibilizando exames avançados nas áreas de Gastroenterologia, Imagiologia e serviços de Medicina Física e Reabilitação.

O Hospital implementou medidas muito rigorosas para garantir a segurança em todas as suas instalações e isso é válido para consultas de rotina ou de urgência, para realização de exames ou para cirurgias e internamentos, e como habitualmente, com um atendimento personalizado, uma equipa clínica dedicada e um serviço de saúde de excelência.

Marque agora a sua consulta ou exame. Não deixe a sua saúde para trás!